FAQS

Perguntas Freqüentes – FAQs

Aqui estão as respostas para algumas das perguntas mais comuns, que tornarão a sua visita à República Dominicana mais fácil. Clique na pergunta para ver a resposta.

Como posso chegar à República Dominicana?

A República Dominicana possui oito aeroportos internacionais, três grandes portos marítimos e várias marinas para barcos e iates de todos os tamanhos além de aeroportos menores para aviões particulares.

Como a República Dominicana é uma ilha grande e diversa, é importante escolher o seu aeroporto de acordo com os destinos de chegada e saída do país. Uma viagem por terra entre os aeroportos pode ser demorada. Por exemplo, viajar entre os aeroportos de Punta Cana e Puerto Plata pode levar até 7 horas. No entanto, uma boa opção pode ser chegar no aeroporto em uma parte da costa, por exemplo no norte, para permitir conhecer bem o local. Depois, pegar um transfer de carro para outra parte da ilha, como por exemplo, a costa leste para passar a segunda metade da sua estadia. Você pode chegar ao aeroporto internacional de Puerto Plata, no Norte e ir embora pelo aeroporto internacional de Punta na costa leste, tendo conhecido dois destinos diferentes numa mesma viagem.

 

Os tempos de vôo aproximados entre algumas cidades aos aeroportos da República Dominicana:

Nova Iorque: 3h30

Miami: 1h50

Atlanta: 2h50

Londres: 8h45

Montreal: 4h15

Toronto: 4h30

San Juan: 0h35

Madri: 7h30

Roma: 9h45

Paris: 8h00

Milão: 9h30

Moscou: 11h30

Caracas: 2h00

Bogotá: 2h20

Lima: 4h00

Buenos Aires: 8h00

 

Aeroportos Internacionais:

  • Santo Domingo: Aeroporto Internacional Las Americas (SDQ) fica a 30 minutos da capital e muito próximo às regiões turísticas de Boca Chica e Juan Dolio.
    O Aeroporto Internacional La Isabela (JBQ) ao norte de Santo Domingo atende principalmente vôos domésticos e para o Haiti.
  • Punta Cana: Aeroporto Internacional de Punta Cana (PUJ) fica a apenas 15 minutos das regiões de Punta Cana e Cap Cana, e a 30 minutos das regiões hoteleiras de Bávaro, El Cortecito, Arena Gorda, Macao e Uvero Alto.
  • Puerto Plata: Aeroporto Internacional Gregorio Luperón (POP) fica a apenas 20 minutos de Puerto Plata, uma cidade da costa norte, e as regiões turísticas que a circundam como Cofresí, Playa Dorada, Sosúa e Cabarete. Fica a menos de uma hora de Playa Grande.
  • La Romana: Aeroporto Internacional La Romana (LRM) fica a apenas 10 minutos do Resort Casa de Campo na costa sudoeste e a apenas 20 minutos de Bayahibe.
  • Samaná:
 Aeroporto Internacional
El Catey (AZS) fica a apenas 30 minutos da cidade de Samaná e a 45 minutos das regiões litorâneas de Cosón, Las Terrenas e Portillo na famosa costa nordeste da República Dominicana.
  • Santiago: Aeroporto Internacional El Cibao (STI) fica a 15 minutos da agitada cidade de Santiago na região central e dá acesso fácil a cidades como La Vega, Jarabacoa, Constanza, San Francisco de Macorís e Moca.
  • Barahona: Aeroporto Internacional María Montez (BRX) fica nos arredores da cidade de Barahona, no sudeste. Apesar de ser um Aeroporto Internacional, atende principalmente vôos domésticos.
  • Aeroportos Domésticos: Vários pequenos aeroportos por todo o país atendem vôos domésticos. Estão incluídos Arroyo Barril (ABA) em Samaná na costa nordeste, Constanza (COZ) na região montanhosa central, Cabo Rojo (CBJ) em Pedernales na costa sudeste e Montecristi (MTC) na costa nordeste.

 

Portos para cruzeiros e marinas:

Os navios de cruzeiro chegam em:

  • Porto de Santo Domingo (que inclui os terminais de cruzeiro Don Diego e Sans Souci).
  • O porto turístico Casa de Campo em La Romana no Rio Salao
  • Instalações e serviços para receber passageiros provenientes de cruzeiros próximos à Isla Catalina na costa sul próximo a La Romana e na Baía de Samaná na costa nordeste.

 

Também há várias marinas particulares incluindo: Casa de Campo, Cap Cana, Punta Cana Resort Marina, Ocean World Marina (Puerto Plata), Luperón Marina (Puerto Plata), Gran Bahía Marina em Samaná, e El Manatí Yacht Club em Barahona.

Que documentos eu preciso ter para entrar na República Dominicana?

É necessário um passaporte válido. Você também pode precisar de um cartão de turista (US$10 ou EUR10) ou um visto.

 

Cartão de Turista

O Cartão de Turista geralmente é emitido para um período de 30 dias.

Os Cartões de Turista podem ser adquiridos com antecedência e são válidos por um ano a partir da data de emissão e apenas para uma pessoa em um único uso.

 

O Cartão de Turista pode ser adquirido nos pontos de venda nos terminais terrestres, aeroportos e portos do país. Também é vendido nas embaixadas e consulados dominicanos no exterior e por operadoras de turismo. Pode ser adquirido em:

www.dgii.gov.do/tarjetaTuristica/EN/about/Paginas/default.aspx

 

Os turistas que permanecerem mais do que o período usual de 30 dias, precisarão pagar uma taxa proporcional à extensão da estadia, que pode ser paga no Departamento de Imigração ou no balcão de imigração no momento da saída do país.

www.migracion.gob.do/web/tarifas.php

 

Vistos

A República Dominicana emite vistos de turismo, negócios, trabalho, estudo e residência. Os vistos podem ser emitidos para uma ou várias entradas e podem ser estendidos até 60 dias. Para mais detalhes sobre vistos visite:

www.domrep.org/visa.html ou

www.consuladord.com/contentlist.aspx?catid=73&lang=ES

 

Veja a lista de países que necessitam solicitar um visto nos consulados dominicanos no exterior.

www.dgii.gov.do/tarjetaTuristica/EN/about/Documents/CountriesneedingaVisatoentertheDominicanRepublic.pdf

 

Veja a lista de consulados na parte superior direita desta página do Ministério de Relações Exteriores para buscar o endereço do consulado dominicano mais próximo:

http://consuladord.com

 

Quem não precisa de um Cartão de Turista ou visto?

  • Residentes e cidadãos dominicanos.
  • Estrangeiros provenientes da Argentina, Chile, Coréia do Sul, Equador, Israel, Japão, Peru e Uruguai.
  • Equipe diplomática e consular com missões no país, enquanto estiver a trabalho.
  • Passageiros usando aviação particular e não comercial, desde que atendam aos seguintes requisitos: a viagem deve ter finalidade de esportes, lazer, executiva, turismo ou negócios e a aeronave não pode pesar mais de trinta mil libras (13.607 kg) e ter capacidade de até 12 passageiros.

 

Para maiores informações consulte: REQUISITOS DE ENTRADA

O que acontece se eu quiser ficar no país por mais de 30 dias?

No aeroporto, você precisa pagar a taxa proporcional à extensão. Para saber os valores, consulte www.migracion.gob.do/web/tarifas.php

Qual o valor da taxa de saída?

A taxa de saída custa US$20. No entanto, na maioria dos casos já está incluída no preço da passagem aérea.

Qual é o código de área da República Dominicana?

Há três códigos de área. A maioria dos telefones usa o código 809 e alguns usam 829 ou 849. O DDI do país é 1.

Qual é a idade mínima para tomar bebidas alcoólicas?

Na República Dominicana, você pode comprar e consumir bebida alcoólica a partir dos 18 anos. Isso significa que muitos bares não aceitarão menores de idade, mesmo que acompanhados dos pais ou de um adulto.

Como é o clima? Quando é a época de chuvas?

A República Dominicana está cercada por quase 1.576 km (1.000 mi) de costa ao norte, leste e ao sul e possui clima tropical. Ao meio dia as temperaturas variam entre 27ºC e 32ºC e podem cair para 18ºC a 23ºC durante o inverno.

Como estamos no trópico, é difícil dizer se há e quanto é a época de chuvas. As precipitações geralmente são rápidas.

Quando é a temporada de furacões?

A temporada de furacões da Bacia do Atlântico começa em 1º de junho e vai até 30 de novembro. Na República Dominicana, é verão e início do outono quando faz sol com poucas nuvens e ocasionalmente com chuvas de verão que tendem a cair no fim da tarde ou à noite. Historicamente, a maioria dos furacões ocorrem no mês de setembro. Note que a República Dominicana é um país relativamente grande. Isso significa que se uma parte da costa for afetada, pode ser que outra esteja completamente intocada pelo furacão. Acompanhe a previsão do tempo local em inglês, especialmente na temporada de furacões em www.dr1.com/forums/weather-beyond/

Qual o tamanho da República Dominicana em comparação com Porto Rico e a Jamaica?

Localizada no Caribe, a República Dominicana possui uma área de  48.442 km². Por causa da sua extensão e variedade do terreno, a República Dominicana oferece uma maior variedade aos turistas, incluindo diversas praias, montanhas, cavernas pré-históricas, desertos, lagos, ilhas, rios e numerosas cachoeiras. É por isso que dizemos que a República Dominicana “Tem tudo.”

Eu não falo espanhol. Vou ter algum problema?

Os dominicanos são muito amigáveis e, se eles não falarem o seu idioma, farão o possível para encontrar alguém que possa ajudá-lo. Na maioria dos destinos turísticos, nos hotéis, restaurantes e resorts, há funcionários que falam inglês e muitos outros idiomas.

Eu viajo a turismo. Que tipo de roupas devo levar?

A República Dominicana está nos trópicos caribenhos e tem um clima quente e ensolarado durante todo o ano. Você deve trazer roupas leves para o clima quente. À noite faz um pouco de frio, especialmente entre novembro e abril. Por isso, traga um casaco leve e uma jaqueta. Se você se for se hospedar em um resort, traga algo um pouco mais formal para as ocasiões elegantes, como jantar em restaurantes sofisticados. Se você for assistir alguma apresentação no Teatro Nacional você precisará de um casaco e não é permitido usar jeans.

Se você fizer passeios que incluem visitas a igrejas e alguns tipos de monumentos ou museus, a entrada poderá ser recusada se você estiver de shorts ou mini-saia. Alguns órgãos governamentais não admitem camisas sem manga ou sapatos abertos.

Posso viajar com meu animal de estimação?

Antes de viajar com seu cão ou gato, você deve entrar em contato com a sua companhia aérea ou de cruzeiros para mais informações e custos de transportes na cabine ou no compartimento de carga. Faça a sua reserva com antecedência, pois algumas companhias aéreas possuem restrições de quantos animais podem ser levados em cada viagem.

Os animais devem vir com um certificado de saúde emitido e assinado por um veterinário registrado. O mesmo deve atestar que o animal foi examinado com 30 dias de antecedência da data de partida e que se encontra livre de doenças infecciosas, recebeu tratamento contra parasitas internos e externos e foi vacinado contra raiva. O certificado de vacina contra raiva deve incluir a data de vacinação, período de duração da imunização, nome do produto e respectivo número de série.

Na chegada à República Dominicana, entre em contato com o oficial do controle de zoonoses que irá verificar os certificados veterinários e onde você preencherá o formulário de permissão de entrada de animais que tem custo de aproximadamente US$10.

É um país seguro?

A República Dominicana continua a ser um dos países com menores índices de criminalidade na região. No entanto, é sempre bom tomar precauções, como em qualquer visita a um novo país ou grande cidade do mundo.

É costume tratar as pessoas de maneira informal (em espanhol: tú) ou é melhor usar a maneira formal (em espanhol: usted) ?

Apesar de que os tempos estão mudando, é sempre melhor pecar pela formalidade. Portanto é sempre melhor usar a maneira formal (Usted) com as pessoas que você não conhece bem. Os homens podem ser tratados como “don” ou “señor” (Seo, senhor) e as mulheres como “doña” ou “señora” (Dona, senhora.).

Por outro lado, a informalidade é bem aceita, pois os dominicanos são abertos e sociáveis. O termo “amigo” é freqüentemente usado. Não se surpreenda se alguém se dirigir a você dizendo “mi amor” (meu amor) ou “cariño” (querido/a), já que em sua fala, alguns dominicanos chegam aos limites da informalidade.

É seguro tomar água da torneira nos hotéis?

Não, já que a água da torneira não é purificada. É sempre recomendável tomar água mineral.

A minha carteira de motorista é válida na República Dominicana?

Sim, mas apenas pela duração da sua permanência legal, por exemplo, a validade do seu Cartão de Turista ou visto.

Alugar um carro é uma boa idéia?

A República Dominicana possui a melhor infra-estrutura rodoviária do Caribe, com estradas em boas condições que levam à maioria dos destinos turísticos. O trânsito dominicano tem fama de ser confuso, portanto adotar uma postura defensiva na direção faz toda a diferença. Quando você estiver indo para o interior, o ritmo diminui e as estradas são menos estressantes. Evite correr ou dirigir à noite. Em alguns destinos, ter um carro é mais fácil, pois há muito para ver e conhecer. Por exemplo, se você estiver viajando pela costa norte, por Montecristi passando por Puerto Plata para Cabrera, ou para as praias de Samaná, alugar um carro vai facilitar as paradas para observar a vista ao longo do caminho. Alugar um carro na costa leste ajuda a explorar as regiões turísticas mais populares, incluindo La Romana, Bávaro, Punta Cana e Cap Cana. O sudeste da República Dominicana é uma das mais belas e intocadas regiões do país. Alugar um carro lhe ajudará a ver a impressionante beleza natural em Barahona e Pedernales e as grandes atrações naturais da Bahia de las Aguilas e do Hoyo de Pelempito. Todos estes destinos estão cercados de praias que podem ser mais facilmente visitadas se você tiver um carro à sua disposição.

No entanto, nas cidades de Santo Domingo e Santiago é melhor utilizar os excelentes serviços de taxi. Você pode chamá-los pela central na lista telefônica e a maioria oferece um preço fixo de aproximadamente US$5 para a maioria dos destinos na cidade.

Posso usar meu celular durante a viagem?

Se for GSM, sim. No entanto, você tem que ativá-lo na República Dominicana. Se não for GSM, pode haver importantes gastos com roaming, dependendo da sua operadora. Outra opção é usar um número local em um dos vários pontos de telefonia como Claro, Orange, Tricom ou Viva. O custo é de aproximadamente US$40 mais o preço dos cartões telefônicos.

As lojas aceitam dólares ou euros?

A maioria dos preços na República Dominicana está em pesos, mas podem ser calculados de acordo ao cambio do dólar do dia. Em alguns lugares como restaurantes, bares e lojas de grande porte podem vir a aceitar dólares, mas oferecerão um câmbio menos favorável que os bancos. Se você for realizar alguma transação de alto valor, negocie com o vendedor, pois ele pode estar interessado em receber o pagamento em dólares ou euros.

É melhor trocar dinheiro no aeroporto?

Apenas pela conveniência, para pagar o táxi e as primeiras transações. Os bancos na República Dominicana usam os valores de conversão de moedas do Banco Central como referência para suas operações, portanto a diferença do câmbio nos diferentes bancos é insignificante. Os bancos na República Dominicana fecham às 5 da tarde, mas a maioria das agências nos shopping centers ficam abertas até as 7 ou 8 da noite. Os caixas automáticos ficam abertos até ainda mais tarde nos centros comerciais. Por razões de segurança, é melhor ir trocar o dinheiro aos poucos ao longo da viagem.

Qual é o imposto sobre as vendas?

ITBIS (o imposto por transferência de bens e serviços) é de 18% e é aplicável à maioria das compras que você fará. Em restaurantes, bares e hotéis, outros 10% são somados como taxa de serviços.

Qual é o câmbio atual?

As moedas estrangeiras variam a cada dia de acordo como mercado. Você pode verificar o câmbio diretamente com os bancos comerciais e casas de câmbio. Além disso, o Banco Central também publica esta informação diariamente (em dias úteis).

Visite: www.bancentral.gov.do/tasas_cambio/TMC4001.PDF

Quais as regras para viajar com crianças?

Se a criança for estrangeira, só é necessário apresentar o passaporte. Há exceções se um dos pais for residente na República Dominicana. Consulte a sua companhia aérea para conhecer os requisitos para viagens de menores desacompanhados. As diretrizes específicas da legislação dominicana sobre viagens com crianças pelo país podem ser encontrados em espanhol no link:

www.migracion.gob.do/web/ent_detalle.php?id=45

Quais são as comidas típicas que posso provar?

Experimente o popular “Mangú” (banana verde frita e amassada) com ovos, queijo frito ou salame no café da manhã. Recomendamos a substanciosa “bandeira republicana” consiste em arroz, feijão vermelho, carne e “tostones” (banana verde frita e amassada) na hora do almoço. Prove também o torresmo, “locrio de pollo” (arroz com frango ao estilo dominicano), cozido de camarão, “mofongo” (banana amassada com alho, carne de porco frita ou camarão), peixe com coco, casquinha de siri, cabrito assado ou cozido com madioca cozida e um ensopado “sancocho” acompanhado de abacate no jantar. E, claro, não esqueça de provar o pão de mandioca e o “queso de hoja”, um tipo de queijo branco.

As deliciosas sobremesas dominicanas são coco ralado ao creme, feijão doce, leite azedo, doces de laranja, leite, mamão e abacaxi, e massa de goiaba e caju em calda. Os sucos de frutas tropicais incluem maracujá, goiaba, abacaxi, laranja, morango, manga, tangerina e mamão que podem ser batidos com leite, como uma vitamina.

Não deixe de provar o caldo de cana de uma das plantações que estão espalhadas por todo o país. Experimente também a água e polpa de coco da República Dominicana.

Vale a pena visitar a capital?

A capital da República Dominicana é uma cidade importante de ser visitada. Santo Domingo é a primeira cidade das Américas e foi escolhida para ser a capital americana da cultura em 2010. A Cidade Colonial é patrimônio da UNESCO, onde se combina a cultura com muitos restaurantes e vida noturna badalada. A boa notícia é que há um excelente sistema de ônibus e por menos de US$10 você pode pegar um transporte confortável e com ar condicionado de Punta Cana, Samaná, La Romana e até de Puerto Plata para a capital.

Eu vou poder assistir a uma partida de beisebol durante a minha estadia?

Na República Dominicana, os estádios de beisebol são chamados de “play” e ficam nas principais cidades: Santo Domingo (Estádio Quisqueya), Santiago (Estádio Cibao), La Romana (Estádio Francisco Micheli), San Pedro de Macorís (Estádio Tetelo Vargas) e em San Francisco de Macorís (Estádio Julián Javier). Isso significa que não importa onde você estiver hospedado, haverá um estádio no destino ou a uma hora de carro de lá.

A nossa temporada de inverno de beisebol começa em meados de outubro e termina no final de janeiro, com a proclamação do campeão do torneio. O campeão representa a República Dominicana na Série Caribenha, onde também competes os times campeões de Porto Rico, México e Venezuela. Para mais informações sobre o beisebol dominicano visite: www.lidom.com

Eu tenho mais algumas perguntas para fazer. Com quem posso falar antes de viajar?

O Ministério de Turismo tem 20 escritórios no exterior, incluindo Estados Unidos, Canadá, Porto Rico, América do Sul e Europa, onde você pode fazer as suas perguntas. www.godominicanrepublic.com/pt/contato

Você pode encontrar mais informações na internet em www.dr1.com/forums, onde já existe mais de um milhão de perguntas e respostas em inglês sobre vários assuntos, assim como uma ferramenta de busca.

Start typing and press Enter to search

Send this to a friend