Flora E Fauna

Aproximadamente 6.000 espécies de flora e 7.000 espécies de fauna proliferam na RD. Entre aquelas que você pode encontrar facilmente na nossa ilha estão a Cigua Palmera (Dulus Dominicus), a ave nacional da RD, endêmica da Ilha de São Domingos, ou nossa flor de cacto nacional de cor rosa, a rosa de Bayahibe, endêmica da RD. Répteis e anfíbios também estão presentes, como o crocodilo americano ou o iguana de Ricord, em risco de extinção. As estrelas das nossas espécies de animais selvagens são as quase 3.000 baleias jubarte que nadam em direção à Baía de Samaná fielmente todos os anos para se acasalar e dar à luz em nossas águas mornas.

 

Flores e Árvores

A República Dominicana ostenta uma quantidade surpreendente de 6.000 espécies de plantas, das quais 2.050 são endêmicas – existentes apenas na RD. Sua espécie mais valorizada é a exótica Pereskia quisqueyana, ou Rosa de Bayahibe, a flor nacional do país. É um raro cacto com folhas, e a flor em si é uma cor rosa delicada, 100% nativa da área de Bayahibe.

A caoba, ou mogno, é a árvore nacional da RD. Você avistará várias outras espécies, incluindo a árvore de paina, o cedro das Antilhas, o cabaceiro e, é claro, uma grande variedade de palmeiras tropicais, uma herança africana, entremeando as praias e colinas da RD. O coqueiro está em todos os lugares, e a palmeira real é simbólica para a RD, aparecendo em sua bandeira nacional. No verão, você notará as árvores de flamboyant vermelhas brilhantes em flor inclinando-se sobre as estradas ou os campos, uma espécie importada. Nas cidades de alta altitude no centro da República Dominicana, há uma abundância de pinheiros crioulos, combinando com o clima mais frio.

Para quem adora flores, é possível encontrar inúmeras variedades tropicais aqui, mas especialmente as orquídeas, com mais de 300 espécies. Você pode encontrá-las em meio à natureza nos vales frios de Jarabacoa e Constanza, em parques fechados como o Jardim Botânico Nacional em Santo Domingo, o maior do Caribe, nos jardins botânicos do Monte Isabel Torres em Puerto Plata e no Scape Park, na área de Punta Cana. A província de Constanza é conhecida por suas coloridas plantações de flores, uma herança da comunidade de imigrantes japoneses que vieram para a RD em 1956, após a segunda guerra mundial, para colaborar com a mão-de-obra agrícola.

A melhor maneira de viver a abundância natural da RD e sua variedade de plantas e árvores em um só lugar é visitar um dos parques nacionais do país.

 

Vida Marinha

Entre 1.600 quilômetros de litoral e ilhas espalhadas pela costa, os mamíferos marinhos têm o ambiente ideal nas águas do Oceano Atlântico e do Mar do Caribe na RD. Além das famosas baleias jubarte de Samaná, nossas espécies mais apreciadas que visitam a Baía de Samaná de meados de janeiro até meados de março, os peixes-boi e as tartarugas também têm uma presença importante.

O peixe-boi-marinho das Antilhas, herbívoro e ameaçado de extinção, vive em nossos estuários e lagoas, particularmente na costa norte, onde o maior número de exemplares dessa espécie se refugia na lagoa protegida do Santuário de Mamíferos Marinhos Estero Hondo.

Na ilha de Saona, quatro espécies de tartarugas, a tartaruga marinha gigante, a tartaruga marinha verde, a tartaruga-de-couro e a tartaruga-de-pente, fazem seus ninhos nas praias imaculadas da ilha. Elas também podem ser vistas na região sudoeste, nas águas do Parque Nacional de Jaragua, outro local de nidificação de tartarugas.

Recifes de coral estão presentes em diferentes condições e tamanhos e muitos deles passaram a ser protegidos em uma tentativa de salvá-los dos danos causados pelo turismo em massa. A formação de corais mais imaculada encontra-se ao largo da costa de Montecristi, mas também existem corais lindos de se ver nas águas ao redor das ilhas de Cayo Arena, Saona, Catalina e ao largo da costa norte de Samaná.

 

Crocodilos e Iguanas

As espécies de crocodilos americanos ameaçadas de extinção vivem e se acasalam no Lago Enriquillo, um fascinante lago de água salgada localizado na região sudoeste da RD. Apesar do aumento considerável no nível de água do lago, os répteis continuam a botar ovos no verão, o que o torna um dos poucos lagos do mundo com alta concentração de crocodilos. Fazer um passeio de barco no Lago Enriquillo no verão é uma ótima ocasião para vê-los em grande número ao longo das margens, mesmo que você não possa sair do barco por motivos óbvios de segurança.

A costa sudoeste também abriga o maior número de iguanas da RD. É bastante provável que você os veja atravessando as ruas enquanto dirige na área seca e quente de Pedernales. O iguana-rinoceronte e o iguana de Ricord são bastante numerosos na área protegida do parque do Lago Enriquillo e no Parque Nacional de Jaragua.

 

Pássaros

A reputação da República Dominicana pela observação de pássaros cresce anos após anos e por bons motivos. Trezentas espécies de pássaros estão em casa aqui, das quais 32 são endêmicas, incluindo a Cigua palmera nacional, um número alto para um único país. Se você encontrar uma cigua palmera perto do ninho, veja se o seu vizinho está por perto. O endêmico falcão de Ridgway, ou Gavilán de la Hispaniola, ameaçado de extinção, gosta de construir sua casa logo acima da nossa ave nacional.

Procure algumas destas outras espécies endêmicas: o pica-pau de Hispaniola, o periquito de Hispaniola, o corvo-de-pescoço-branco, a saíra-de-coroa-preta e a andorinha dourada, entre outras.

Os principais pontos de observação de pássaros em todo o país incluem a Sierra de Bahoruco, lar da maioria das espécies endêmicas, o Parque Nacional Los Haitises, o Parque Nacional de Jaragua, o Parque Nacional do Lago Enriquillo e o Parque Nacional de Valle Nuevo. Você também avistará diversas espécies nos litorais e nas colinas ao norte e ao sul, que são paraísos para aves endêmicas e migratórias que se reúnem em torno de manguezais, ilhas e parques protegidos.

Filter
Categories
Apply Filter Reset
Center map
Tráfego
De bicicleta
Transit

Start typing and press Enter to search

Send this to a friend